Os gênios da bola e a bola dos gênios

Essa discussão sobre quem é o melhor no futebol, tem lá anos a fio de rivalidade, especialmente entre torcedores brasileiros e argentinos. 
Fica difícil a gente antever os resultados, mas comparações à parte, sempre gostei da genialidade de Pelé, Garrincha, Maradona, Messi, Ibrahimovic, Suarez, Romário, Cristiano Ronaldo, enfim, se a gente pensar em uma seleção do mundo, ela necessariamente, teria que ter argentinos e brasileiros, ingleses, espanhóis, africanos, europeus. 
Não por acasos eles, estes grandes nomes do esporte, deixam sua marca nas redes adversárias.
Penso que exista uma mensagem, um lembrete claro, de que eles estiveram aqui, sem qualquer fala, sem qualquer escrita, apenas estiveram e ficaram pra sempre no coração dos povos, das gentes, afinal, não é a camisa amarela, azul, verde, vermelha, que irá produzir o gênio, o atleta, mas sem dúvida este "manto" que veste tantos nomes famosos, não guarda ideologias, nem sustenta ou ampara privilégios, mas, traz consigo, obrigações, deveres e o único direito que eles tem, é de empolgar a torcida, de levantar os estádios num grito uníssono de gol.
Não por acaso eles, estes grandes nomes do esporte, deixam sua marca nas redes adversárias.
O que realmente importa, é saber que para além de nossa pretensa vontade e desejo de ver um ídolo desses aqui entre nós, falar da paixão, do futebol, é semear sonhos, como aqueles de uma criança que volta e meia, vai para um campo de várzea e lá, joga seus sonhos pensando nos estádios repletos de torcida e o seu nome ovacionado por toda "massa humana", no coro só de delírio e fascinação. 
Talvez, a magia do esporte seja tão universal que embora concebamos times e jogadores rivais nalgum momento, eles na verdade, são patrimônio de uma humanidade, de todos nós, não sei se por isso, o futebol se tornou o esporte mais difundido e celebrado entre as nações, mas, certamente, ele, (o futebol), torna os corações mais apaixonados pelo time que pisa o gramado e que deixa nas redes adversárias um lembrete de que o espetáculo apenas esta começando, e quando o jogo termina, a gente só lembra que a tarde foi apoteótica e que o dia foi marcante, afinal, que coisa linda é uma partida de futebol!!!!
Pio Barbosa

                                        https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline
Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online.

Pio Barbosa Neto

Articulista. Consultor legislativo da Assembleia Legislativa do Ceará

Siga-nos no Twitter!

Mais de Pio Barbosa Neto

Comentários

Notícias relacionadas