Família de blogueiro, amigo e ex-assessor de Mandetta, vítima de infarto, fica indignada com boatos de “Covid-19”

O advogado e blogueiro Francisco de Arruda Cangussu, o Kiko Cangussu, figura conhecidíssima em Campo Grande (MS), faleceu no último dia 30 de março, vitima de infarto no miocárdio.

Dono de uma legião de seguidores, a morte de Kiko foi motivo de muita tristeza em Mato Grosso do Sul. Totalmente inesperada.

Entretanto, nesses tempos sombrios e complicados, não faltou gente para disseminar fake news em relação a causa da morte do blogueiro, notadamente pelo fato de se tratar de um amigo muito próximo do ministro da saúde.

Pessoas de má índole propagaram que a causa da morte teria sido o coronavírus.

Sobre o assunto, o filho de Kiko, o advogado Luiz Guilherme Cangussu, publicou um ‘desabafo’ nas redes sociais.

Eis o que escreveu, indignado, o rapaz:

“Todos aqui sabem que uma das coisas que meu pai mais repudiou na era virtual foi a propagação das ‘fake news’.
Após sua morte, inúmeras pessoas que propagam “amor ao próximo” em seus perfis com lindos discursos na internet, afirmaram SEM PROVAS que meu pai faleceu vítima da COVID-19.
Meu pai, conforme certidão de óbito, faleceu vítima de um infarto no miocárdio.
Faço QUESTÃO de informar o motivo da morte, porque cansei de ouvir afirmações de que meu pai estava com a COVID-19
Vamos respeitar mais as pessoas, os familiares, os próximos sem qualquer tipo de distinção e evitar acusar sem provas, baseado em fofocas ou ‘na base do achismo’.
Só para mais detalhes que não gostaria de falar, quem ABRIU A PORTA para ver se meu pai estava bem ou não, fui eu. Encontrei ele no chão da cozinha, provavelmente por horas, e não pude fazer nada.
Pense nessa situação, pense mais no próximo, tenha mais RESPEITO E CONSIDERAÇÃO ao próximo, ESPERE antes de sair falando algo sem certeza.
Espero realmente que esse combate as “fake news” - virtual ou presencial - seja um dos legados do meu pai aos seus seguidores que o conheceram e que também não admitem injustiças.”

O ministro Mandetta, por sua vez, ocupou o espaço de uma coletiva para a imprensa, para fazer uma bela homenagem ao amigo:

Veja o vídeo:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários