A desproporcional reação da imprensa para Dória, Covas, Witzel, Caiado, Zema, Barbalho e Jair Bolsonaro

João Dória, que nunca conseguiu conter o uso de celulares dentro dos presídios, rastreia os aparelhos dos paulistas, para cercear o direito de ir e vir de cidadãos livres: TUDO BEM!

Bruno Covas, imunodeprimido por seções de quimioterapia, continua cumprindo sua agenda política, sem nenhum tipo de proteção, escancarando a histeria que o seu próprio correligionário está incitando: TUDO BEM.

Wilson Witzel, incapaz de controlar a criminalidade endêmica do Rio de janeiro, usa os agentes do Estado para coagir cidadãos que estão nas praias: TUDO BEM!

Ronaldo Caiado, após fazer coro com o presidente, no discurso de redução do poder público, manda abrir delegacia para registrar B.O contra um jornalista, permite que seus seguranças espanquem um outro e usa a policia goiana para prender uma mulher que o critica: TUDO BEM!

Romeu Zema, o "ultraliberal" do partido NOVO, manda confiscar produtos dentro de empresas privadas: TUDO BEM!

Hélder Barbalho, filho de um corrupto condenado, coloca presidiários para fiscalizar o povo do Pará: TUDO BEM!

Jair Bolsonaro, saudável e testado negativo para COVID-19, vai comer um salgado e tomar um refrigerante em uma padaria: GENOCIDA, IRRESPONSÁVEL, CRIMINOSO, FASCISTA!!!

O Brasil, definitivamente, não é para amadores!

"É perigoso libertar um povo que prefere a escravidão." (MAQUIAVEL, Nicolau)

Felipe Fiamenghi

O Brasil não é para amadores.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários