A garotinha ‘brasileirinha’ assassinada que ainda comove a Espanha

O assassinato da pequena Alicia, de apenas um ano e cinco meses, na cidade de Vitoria, na Espanha, chocou o país e ainda gera revolta e exacerbada comoção.


Ela era filha da brasileira Gabriela Oliveira, uma jovem de apenas 18 anos, que engravidou com apenas 15 anos de idade.

Alicia teve traumatismo craniano, além de uma série de lesões pelo corpo. 

Gabriela conheceu um instrutor de saxofone de 30 anos, de nome Daniel Montano, com quem iniciou um namoro e passou a frequentar o prédio onde ele morava.

No dia do crime - 27 de janeiro - mãe e filha dormiram no apartamento de Daniel.

Gabriela levantou de madrugada e viu que o namorado não estava na cama, nem a filha no berço.

Encontrou-o em outro quarto tentando violentar a criança. Partiu para cima dele. A primeira reação do namorado foi arremessar Alicia pela janela do quarto andar.

Daniel Montano já está preso, acusado de homicídio e abuso sexual. Gabriela que ficou bastante machucada na briga, recupera-se em um hospital.

Moradores das cidades de Hontoria del Pinar - onde Gabriela morava com a filha, a mãe e o padrasto - e de Vitoria, cidade próxima, onde ocorreu o crime, estão chocados e têm depositado flores na porta da casa da família para prestar homenagem à Alicia.
da Redação

                                            https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Policia