assinante_desktop_cabecalho

Pandemia vira oportunidade de ouro para prefeitos e governadores alastrarem roubalheira por todo o país

Ler na área do assinante

Ao que tudo indica, os estragos que o Virus de Wuhan fará neste país serão fichinha perto de outras monstruosidades que já ocorrem em todo o território nacional.

Prefeitos e governadores enxergaram na Pandemia uma oportunidade de ouro para meter os dois pés na jaca, dando o drible da vaca nas leis de controle fiscal.

Sairemos dessa tragédia que nos proporcionou a China, muito mais pobres do que entramos e a culpa não poderá ser atribuída unicamente à paralisia da atividade econômica, mas principalmente à roubalheira feérica cujos sinais já começam a aparecer do Oiapoque ao Chuí.

Já são registrados muitos casos, mas fiquemos aqui, para ilustrar, com apenas um deles: na Fortaleza de Roberto Cláudio, prefeito do PDT de Ciro Gomes, um partido pró-China.

Acaba de ser contratada para administrar um Hospital improvisado, feito para durar poucas semanas, sem licitação, por R$ 96 milhões (eu disse Noventa e Seis Milhões) uma empresa paulista - a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina - que enfrenta quase 500 processos em Tribunais de Contas de vários Estados da Federação.

COSTAS QUENTÍSSIMAS

Isso tudo ainda é pouco, se prestarmos atenção na sessão virtual (duplamente histórica) do Supremo Tribunal Federal realizada nesta quarta-feira, 15-04-2020, vamos perceber que a roubalheira - ou o direito de roubar à vontade - desta vez contou com o apoio de quase todos aqueles ministros circunspectos e bem falantes que apreciam muito pagar uma de honestos e garantidores da Democracia frente às Câmeras da Globo.

Na verdade, o colegiado virou as costas para a roubalheira que promete ser intensa durante a Pandemia e retirou quase todos os poderes do governo federal na gestão da crise para transferi-los para Estados e municípios.

Ainda mais lamentável é perceber que a maioria absoluta da Suprema Corte foi indicada pelos presidentes - Collor, Lula, Dilma Rousseff - que mais assaltaram os cofres públicos na história da vida republicana.

Dirceu Pio. Jornalista.

assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar