A Esquerda e o Conflito do Vírus

Todo esquerdista se acha especial, mais inteligente que a maioria dos brasileiros ignorantes, mais culto e mais bem informado que a classe média, conhecedor das profundas verdades da vida e dos poucos iluminados que compreendem as armadilhas do liberalismo econômico.

E justo por ser especial, ele acredita que

- quando o Brasil sucumbir nas garras de uma ditadura brutal, virar Venezuela, Cuba ou China,

- ELE, o bom, estará imune à desgraça que atingirá a todos "ELES", os ridículos burgueses.

Enfim, o esquerdinha anseia pela Revolução do Proletariado acreditando que ele próprio não será jogado na vala comum da desgraça.

A desgraça é o destino de todos após implantado o socialismo, conforme fartamente nos demonstra a história com seus milhões de homicídios perpetrados pelo socialismo.

Mas Ele – o gado vermelho - acredita que irá pairar acima de tudo e todos, protegido do mal.

Mas agora chegou o VÍRUS !!!!!!

O vírus chinês, usado pela mídia para assombrar a população, servindo plenamente aos propósitos dos governadores de esquerda, justificando controle social em larga escala e destruindo os fundamentos da economia.

Ou seja, em tudo a pandemia se amolda ao modelo mental de revolução socialista que povoa a cabecinha oca do vermelhinho.

Assim, coerentemente com seu papel de gado vermelho, o esquerdinha acredita que ELES vão sucumbir mas... alguma coisa parece errada.

Esse é o grande conflito do gado vermelho:

- com a mesma força e pelos mesmos motivos que anseia pela revolução do proletariado

- ELE deseja do fundo da alma que o vírus se espalhe e mate milhões, só assim Bolsonaro cai

- MAS ELE PRÓPRIO NÃO QUER MORRER TOSSINDO!!!

Lá na sua crença de socialismo, por ser especial, ele não se vê sucumbindo, mas aqui a conversa é outra.

O conflito deve estar fervendo no peito das pobres criaturas vermelhas que sentem o céu lhes caindo na cabeça.

A cabecinha cheia de fumo deve estar pensando:

- Quer dizer, ELES vão se ferrar mas, e EU que sou especial como fico?!?!!

- Também vou sucumbir ao vírus como se fosse um relés comerciante de classe média no "paredon"???

- por que não fazem um vírus que só ataque determinadas pessoas?

- será enganosa a promessa socialista onde só "ELES" se ferram?

- enfim, serei mesmo tão especial assim que nem um vírus me respeita?

Pedro Jales

Comentários