Oportunista, Doria critica manifestantes: “São milicianos ideológicos” (veja o vídeo)

Nesta segunda-feira, 4, durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, o governador de São Paulo, João Doria, novamente se oportunizou do atual momento pandêmico para fazer propaganda política e atacar o presidente da República Jair Bolsonaro e seus apoiadores.

Doria classificou os cidadãos que realizaram manifestações democráticas pelo Brasil neste domingo, 3, de “milicianos ideológicos”.

“Neste final de semana o Brasil assistiu mais uma vez, estarrecido, manifestação de milicianos ideológicos, que em várias cidades do país fizeram manifestações, carreatas, buzinaços, soltaram rojões, proferiram palavrões e agressões a várias pessoas… O mesmo ocorreu ontem em Brasília, mais uma vez, em frente ao Palácio do Planalto, com jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas de veículos de comunicação, em especial um fotógrafo do jornal ‘Estado de S. Paulo’ que foi covardemente agredido.”, disse o governador.

Doria não perde uma oportunidade de tentar denegrir a imagem de Bolsonaro e do povo que está ao seu lado.

Um verdadeiro falastrão e hoje, certamente, um "falastrão sem voto".

Confira:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários