As estripulias de Witzel e Doria: O golpe do garoto de 19 anos no Rio e os respiradores superfaturados em SP

No RJ, o ditador e extremamente mentiroso, o tal "Vitizél", continua aprontando das suas, como se a cidade maravilhosa tivesse um novo rei: ele, o eterno inimigo do Pica Pau.

Já prendeu moças por circularem nas praias, velhinhos por estarem tomando banho de mar, e até mandou jogar crianças no camburão, pois cometiam o crime de andar na rua de mãos dadas com suas mães.

Mas para a turma do Projaquistão, está tudo bem, afinal fascista, genocida, entre outros impropérios descabidos, mas vociferados como mantra, só cabem mesmo a Bolsonaro, o eterno malvadão.

O Mussolini fluminense continua também torrando o dinheiro do Estado, inclusive em casos que, num país sério, já seria motivo de impedimento ou até mesmo de cadeia.

Quer um pequeno e caríssimo exemplo?

Um garoto de 19 anos, dono de uma empresa que NUNCA fabricou respiradores, "venceu uma licitação" no valor de R$ 56 milhões, para fornecer adivinhem o que? Sim, respiradores.

O garoto mora no exterior, a grana sumiu, o RJ nunca vai ver os respiradores e tá tudo certo, afinal estamos falando do Brasil, país onde o STF, com ministros que não foram eleitos democraticamente e sequer, em alguns casos, são juízes, mandam mais que o próprio presidente da República.

Em SP, o governador de calça justa, ditador que brinca com o Estado como se fosse um trenzinho de brinquedo, daqueles que o papai lhe dava quando criança e podia até tacar fogo, continua seu projeto sociopata ao lado de seu pupilo, o prefeito das Covas.

Não há limites para esta dupla.

É tanta psicopatia em grau avançado, que um senador solicitou formalmente ao TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) e ao Ministério Público de Contas do Estado de São Paulo que investiguem a compra de 3 mil respiradores por R$ 550 milhões, efetuada pelo governo paulista.

O próprio senador, assim como diversos canais de mídia, após pesquisa, afirmam que o custo de cada respirador gira em torno de R$ 40 mil e R$ 60 mil, enquanto o governo teria adquirido cada aparelho por R$ 183 mil.

Este é o "gestor" que não cansa de TORRAR o dinheiro que não lhe pertence.

Mas não para por aí, afinal tal sede por dinheiro e poder daria inveja até ao capiroto.

Torna-se obrigatório em SP o uso de máscaras, podendo levar o "infrator" a pagar multas que variam de 276 reais a 276 mil reais. Como se não bastasse o absurdo, fica a pergunta: baseado em que, chegou-se a estas cifras?

Enquanto isto pessoas são "proibidas" de trabalhar, mas as contas só aumentam, inclusive a de impostos e agora, multas.

Onde isto vai parar??????

Na TV um famoso âncora continua fomentando pânico, narrando em tom funesto números irreais para fomentar o caos e desestabilizar o governo federal que, diga-se de passagem, vem fazendo de tudo, até dando dinheiro a governantes e cidades que sequer possuem UM CASO registrado de corona.

O tal jornalista, a voz do Projaquistão, conta as mortes diárias como se cantasse um bingo macabro, ocultando, evidentemente, as diversas mortes por outros casos, especialmente homicídios que, infelizmente, chegam a um número MUITO maior, mas a emissora, ao que parece, nunca se importou e nunca se importará.

Mantem-se a regra que desafia a matemática e a lógica:

"Seis mil mortos pelo corona - é obrigatório o uso de máscaras. Mais de sessenta mil mortos por homicídio - é proibido ter arma para se defender."

Você consegue entender?

São agentes do caos e estão obtendo êxito, as pessoas estão com medo, estão completamente enlouquecidas.

Ontem uma senhora foi expulsa a pontapés de um ônibus, apenas porque estava sem máscara. Ninguém interveio em favor dela.

O já saudoso amigo Ciro Pessoa, vítima de corona vírus, após ser infectado entre idas e vindas ao hospital para um tratamento de câncer, foi atacado postumamente em seu Facebook, por gente da pior espécie, pelo simples fato de não concordarem com a visão política do falecido cantor.

Não há respeito, não há bom senso, não há solidariedade alguma.

Olhe no que esta gente se transformou!

A ignorância e a estupidez ainda farão muito mais vítimas do que o já cruel e letal vírus chinês (sim, encare a realidade, nada foi por acaso) que está dizimando empregos, famílias, relações e principalmente vidas.

O mundo está em contagem regressiva.

Publicado originalmente na página parceira Toca do Lobo.

Visite à página Toca do Lobo.

da Redação

Comentários