Lacombe detona rodízio ditatorial imposto por Covas: “Que tal determinar ao coronavírus um rodízio” (veja o vídeo)

Nesta sexta-feira, 8, o jornalista e apresentador, Luís Ernesto Lacombe, criticou o novo rodízio de carros implementado pela Prefeitura de São Paulo e disse que as medidas de combate ao coronavírus estão sendo tomadas na base da “tentativa e erro”.

Durante o programa ‘Aqui na Band’, da TV Bandeirantes, Lacombe não poupou palavras para descrever a sua indignação com essas medidas “absurdas”.

“A Prefeitura de São Paulo resolveu desestimular as pessoas a saírem de casa. No começo da semana fez bloqueios em ruas e avenidas da capital, o que conseguiu foi criar engarrafamentos que dificultaram o deslocamento de ambulâncias, de profissionais da saúde, de quem não sai de casas por rebeldia, por birra, sai de casa porque tem que trabalhar, sai pra buscar o seu sustento”, detonou o jornalista.

Lacombe ressaltou que como os bloqueios deram errado, logo foram descartados, porém de nada adiantou, pois agora determinaram um rodízio severo de carros na capital.

“É difícil entender, porque isso vai gerar uma aumento de passageiros no transporte público, em ônibus, no trem, no metrô, nos pontos, terminais, nas estações, mais aglomeração, aumento nas tais caronas solidárias, 4… 5 pessoas no mesmo carro”, disparou.

O jornalista ainda lembrou dos motoristas de aplicativos que irão praticamente perder todo o seu sustento.

Pra finalizar, Lacombe foi certeiro:

“Já que a gente tá falando de uma medida absurda, que tal então determinar ao coronavírus que ele faça um rodízio, que só contamine as pessoas nas ruas e dia sim, dia não. Aí a gente só sai de casa quando ele não estiver em ação.”

Confira:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários