Bolsonaro dá o troco na extrema-imprensa e afirma que churrasco era “fake news” (veja o vídeo)

"Um dia de caça, outro do caçador”.

O velho ditado popular nunca fez tanto sentido.

O presidente Jair Bolsonaro, sofre com mentiras propagadas pela grande mídia diariamente.

Pois bem, as ditas ‘fake news’, parecem não ter limites, e a extrema imprensa age como um predador atrás de sua presa.

Esta semana, Bolsonaro resolveu dar o ‘troco’, e o dia da ‘caça’ finalmente chegou.

Na última quinta-feira, 7, o presidente afirmou estar planejando um churrasco no Palácio da Alvorada, com a presença de mais ou menos 30 pessoas.

Não demorou muito para começarem as críticas a sua postura perante a pandemia. O Movimento Brasil Livre (MBL) chegou até a entrar com uma ação judicial para impedir o evento. Absurdo!

Já ontem, sexta, Bolsonaro pôs mais uma ‘pulga atrás da orelha’ da imprensa, ao satirizar o tal churrasco.

“Vou convidar só a imprensa. [...] Tá todo mundo convidado aqui. Vai tá todo mundo aqui amanhã? 1.300 pessoas no churrasco”, disse a populares, propositalmente para os jornalistas ouvirem.

Confira:

Neste sábado veio a jogada final… E xeque-mate!

O próprio Jair Bolsonaro confirmou que tudo não passava de uma ‘fake news’.

“Alguns jornalistas idiotas criticaram o churrasco FAKE, mas o MBL se superou, entrou com AÇÃO NA JUSTIÇA”, escreveu Bolsonaro em suas redes sociais.

Com a afirmação a imprensa ficou sem rumo.

Certamente, nem se compara com as mentiras que inventam do presidente, mas já serve ao menos para a grande mídia se conscientizar sobre suas atitudes.

Confira:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários