O silêncio sepulcral de Regina Duarte sobre o ato de racismo contra Sérgio Camargo

Ler na área do assinante

Há poucos dias, Ancelmo Gois, de O Globo, publicou matéria criminosa contra o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo. Racismo explicito.

O jornalista comparou Camargo a uma ‘cadela russa’, fazendo uma analogia perversa do recente encontro entre o Presidente Jair Bolsonaro, Regina Duarte e Sérgio Camargo, com o encontro entre Angela Merkel e Vladimir Putin (este dono da cadela que causou desconforto na chanceler alemã).

O ato criminoso causou revolta na sociedade e Sérgio Camargo prometeu processar Ancelmo Gois.

Entretanto, no meio de todo esse imbróglio, um fato específico vem chamando a atenção. O silêncio de Regina Duarte.

Até o momento, a secretária não se manifestou, o que causa estranheza, pois a Fundação Palmares faz parte da Secretaria da Cultura, portanto, compõe um dos ‘braços’ da pasta.

Afinal, Qual o medo de Regina?

Ainda quer continuar 'agradando' a Rede Globo? Não quer se indispor com a emissora?

Qual outro motivo a atriz teria para permanecer em silêncio diante de tamanho crime contra um membro da sua pasta?

Confira a matéria de Ancelmo Gois, no jornal O Globo:

da Redação
Ler comentários e comentar