O fim da liberdade de expressão: Protesto contra ministro do STF resulta em prisão preventiva

Ler na área do assinante

Vocês lembram da manifestação na frente da casa do Alexandre de Moraes, a pior figura do STF (olha que a disputa é duríssima)?

Lembram que essas pessoas foram criminosamente levadas para a delegacia?

Lembram que eles tiveram restrições as suas liberdades decretadas por um sistema judicial doentio?

Pois então, eles acabaram de ter suas prisões preventivas decretadas.

Isso mesmo, a Justiça paulista mandou um recado claro a todos cidadãos honestos desse país, caso você proteste contra uma das supremas mediocridades do STF, você será preventivamente preso.

Não preciso ressaltar que a decisão é absolutamente criminosa.

Não preciso ressaltar que essas pobres pessoas não terão apoio do povo, e amargarão toda a violência arbitrária do estado de exceção que vivemos.

Diante de todo o horror totalitário que fomos jogados, essa prisão passará despercebida e ignorada.

Os responsáveis por isso não serão presos, punidos ou responsabilizados, pois sabem que essa ordem legal (violada sistematicamente por eles mesmos) foi feita para garantir impunidade.

Senhores, vivemos uma era sombria e inumana.

Uma era em que pessoas honestas são jogadas na cadeia, com estupradores e assassinos, por criticarem um dos senhores de escravos do Judiciário.

Enquanto perdurar a ideia abominável de que “decisão judicial não se discute”, meus amigos, estaremos reféns de um sistema judicial criminoso.

André Porciuncula

Notícias relacionadas

Ler comentários e comentar