Veto de Witzel é derrubado na Alerj, e Rio agora terá comissão para fiscalizar gastos com coronavírus

Na última semana a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) impôs mais uma derrota ao enroladíssimo Witzel e derrubou o veto parcial imposto pelo governador para que uma comissão da Alerj fiscalize a gastança que vem sendo realizada em função da pandemia.

Com a derrubada, agora ocorrerá a formação da comissão que será composta, em princípio, por 5 deputados permanentes e 5 deputados suplentes, com o objetivo de acompanhar a situação fiscal e orçamentária no estado, em relação à atuação do governo no combate ao coronavírus.

Essa comissão deve encontrar-se através de plataformas digitais, ou outros meios, para fazer as devidas apurações, e todo mês vai se reunir com os secretários de Estado de Saúde e de Fazenda.

A cada dois meses, o grupo fará uma audiência pública, e irá publicar um relatório com as principais informações de seus levantamentos.

O governo do Rio é suspeito de fraudes e superfaturamentos em contratos com empresas que disponibilizaram equipamentos para auxiliar no combate à pandemia.

da Redação

Comentários