É hora do líder liderar e “por o pau na mesa”

Ô Presidente Bolsonaro!

Os ditos populares são muito profundos em certas circunstâncias da vida.

Vou usar alguns deles:

“Quem avisa, amigo é!”

Teus próximos todos já o alertaram. A República virou um farrapo!

“Toma tenência!”

Ou o senhor põe “ordem na casa”, ou vai sair do Palácio de camburão pela porta dos fundos!

Essa gente é uma minoria, mas está “cheia de ganja!” Eles já estão falando alto.

Daqui a pouco vamos ver FHC + Lula + Ciro + STF + Maia + Sarney + Globo + Alcolumbre tudo de braços dados engrandecidos.

Sai da cerca e vá para o Palácio.

Para de ficar polemizando com o andar de baixo e faz o que tem que ser feito: honra seu mandato popular. Convoca e arrebanha as tuas forças. Teu povo está contigo, mas não está acostumado ao confronto e está cansando das tuas brigas de rua.

E os teus adversários sabem “ganhar no grito” e na trapaça.

É hora do líder liderar e “por o pau na mesa”.

E “por ordem no barraco”.

Ou o senhor honra seus 58 milhões de votos, ou essa cacalhada vai por o senhor “para correr”.

E o seu time vai por o “rabicho entre as pernas” e se deixar vencer pelo medo.

Abre o olho!”, “Não perca o tempo dá bola.

A não reação facilita a continuidade da ação” (essa é uma lei da física).

E só para deixar no contexto, depois “não chore sobre o leite derramado”.

Luiz Carlos Nemetz

Advogado membro do Conselho Gestor da Nemetz, Kuhnen, Dalmarco & Pamplona Novaes, professor, autor de obras na área do direito e literárias e conferencista.
@LCNemetz

Comentários