Freixo 'mente' e ofende coronel, secretário-executivo do Ministério da Saúde. Tem que processar...

O deputado Marcelo Freixo não se dá ao respeito. É infame e agressivo.

Faz comentários públicos, sobre pessoas honradas, eivado de difamações e sem nenhum conhecimento de causa.

Sua mais recente vítima é o coronel Elcio Franco, secretário executivo do Ministério da Saúde.

Em recente coletiva de imprensa, o coronel ostentava um broche com essa imagem da foto abaixo:

O símbolo significa a vitória da vida sobre a morte. É a “Faca na Caveira”, originária dos campos de batalha durante a Segunda Guerra Mundial.

Eis o comentário do deputado:

“CULTO À MORTE! O coronel Elcio Franco, secretário executivo do Ministério da Saúde, repito, do MINISTÉRIO DA SAÚDE, acabou de dar uma coletiva de imprensa usando um broche de caveira atravessada por uma faca. É isso o que esse desgoverno genocida tem a oferecer aos brasileiros.”

De fato, Freixo é o suprassumo da ignorância.

Conta a história que uma equipe de Operações Especiais inglesa, conhecida como “Comandos”, que tinha por símbolo um punhal, após alcançarem um território inimigo, encontraram uma caveira, um dos símbolos utilizados pelos nazistas.

Nisso, um dos combatentes ingleses sacou o punhal e cravou na parte de cima do crânio.

Com esse gesto queria dizer que os Comandos ingleses que representavam a vida, estavam virando o jogo e vencendo a morte, representada pelo regime nazista de Hitler.

A partir daquele momento, o emblema do punhal cravado no crânio passou a ser o símbolo das equipes de operações especiais em todo o mundo.

Eis a questão em relação a Freixo: Mal intencionado ou ignorante?

Tem que ser processado pela ofensa.

da Redação

Comentários