Desgoverno e caos no Rio de Janeiro (Veja o vídeo)

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) iniciou a análise de denúncia pedindo impeachment do governador Wilson Witzel. Em entrevista por telefone à TV Jornal da Cidade Online, a deputada estadual Alana Passos (PSL-RJ), falou sobre o caso:

“Vai ser dada a oportunidade do governador do Wilson Witzel fazer sua defesa, mas os indícios de irregularidade com dinheiro público são estrondosos no estado, num momento tão sensível como esse. Então, acredito que a situação vai ficar complicada para o governador”, ressaltou a deputada.

Ela comentou ainda sobre a liminar do ministro do STF, Edson Fachin, que suspendeu as operações policiais nas favelas cariocas:

“Eu sou totalmente contra esse impedimento de atuação da polícia. Os bandidos estão se aproveitando ainda mais da situação sensível que estamos vivendo. As pessoas de bem, sim, estão presas em suas casas, mas a bandidagem não tem pena em momento nenhum, quanto mais em relação à COVID-19”, destacou a parlamentar, que é 2ª Sargento paraquedista do Exército.

Eduardo Paes de volta ao poder?

Com a desistência de Marcelo Freixo na corrida pela prefeitura do Rio de Janeiro, pesquisas mostram Eduardo Paes vencendo em primeiro turno. Contudo, a deputada Alana Passos acredita que a população não vai repetir alguns erros do passado.

“Acho que a população acordou para a política e está muito consciente em relação ao grupo político de Eduardo Paes”, apontou a parlamentar.

Apoio ao presidente Bolsonaro

Para Alana, os ataques ao governo federal são diários, mas quem apoia o presidente de verdade, continua firme ao lado de Bolsonaro.

“Estamos no mesmo barco, e devemos torcer para que tudo, no final, dê certo, porque se o barco afundar, as pessoas estão esquecendo que vamos afundar junto”, completou a deputada.

da Redação

Comentários