Mais um ex-ministro de Lula é alvo da PF e danos ultrapassam 200 milhões de reais

O tempo passa, mas os malfeitos de petistas não param nunca de aparecer.

A Organização Criminosa devastou o país e não será tarefa fácil recuperá-lo, mormente no cenário atual de pandemia.

Silas Rondeau é o alvo da vez.

A Operação Fiat Lux - um braço da Lava Jato - cumpre 18 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão temporária nos estados do Rio de Janeiro (capital, Niterói e Petrópolis), São Paulo (capital e Barueri) e no Distrito Federal. A ação mira propinas e fraudes em contratos da Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras voltada à construção de usinas termonucleares no Brasil.

Rondeau foi ministro de Minas e Energia no governo Lula.

Entre os investigados também estão empresários e ex-executivos da Eletronuclear, além de pessoas que contribuíram para lavagem de ativos.

A Lava Jato pediu o confisco dos bens dos envolvidos e de suas empresas pelos danos materiais e morais causados, avaliados em R$ 207.878.147,18.

Fonte: CNN

da Redação

Comentários