Moro é acusado de plágio e confessa, mas atribui culpa a advogada, parceira na elaboração do texto

Moro realmente está desmoronando.

Agora enfrenta uma acusação de plágio.

É confesso, mas atribui a culpa a uma estudante de mestrado, sua orientanda.

A descoberta foi feita pela própria ‘vítima’, o advogado Marcelo Augusto Rodrigues de Lemos, que alega que Moro e a advogada Beathrys Ricci Emerich, co-autora do texto, copiaram um trecho de seu trabalho, publicado em um site jurídico, em um artigo publicado na revista Relações Internacionais no Mundo Atual, da Unicuritiba.

O artigo de Moro e da advogada Beathrys Ricci Emerich, mestranda na Unicuritiba, trata da lavagem de dinheiro do crime por meio do pagamento a advogados.

O ex-juiz reconheceu que seu artigo tem trechos que foram copiados do texto de Lemos.

Após a revelação do plágio, o texto de Moro e Emerich foi retirado dos arquivos da Unicuritiba.

Que coisa!

Fonte: Conjur

da Redação

Comentários