assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

Filha de deputado recebeu duas parcelas do auxílio, gastou o dinheiro e, após denúncia, o pai devolveu a grana

Ler na área do assinante

Mais um caso de recebimento indevido de parcelas do auxílio emergencial acaba de ser descoberto.

A “beneficiária” é filha de uma família riquíssima de Mato Grosso do Sul.

O bisavô de Gabrielle Correa Orro amealhou uma das maiores fortunas do estado. Pecuarista tradicional e conhecidíssimo na região pantaneira.

O avô, além de pecuarista, foi deputado por inúmeros mandatos e, inclusive, presidiu a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Encerrou sua carreira política para dar lugar ao filho, atual deputado Felipe Orro (PSDB), pai de Gabrielle, ocupante de mandatos eletivos há 20 anos. Político profissional.

Infelizmente, esse berço esplêndido, não impediu que a moça, sorrateiramente, faturasse duas parcelas de R$ 600 do auxílio emergencial.

Assim que o caso veio à tona, o deputado reagiu com indignação, criticou o veículo de comunicação que revelou a 'falcatrua', falou em 'perseguição', mas devolveu a grana.

Confira:

Felipe Orro
Felipe Orro
da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários