assinante_desktop_cabecalho

Frota é condenado a pagar R$50 mil por “fake news”

Ler na área do assinante

Alexandre Frota foi condenado pela Justiça de São Paulo a indenizar Gerson Florindo de Souza, o ex-presidente do PT de Ubatuba, por “fake news”, contra o petista.

O deputado terá que pagar a quantia de R$ 50 mil por danos morais.

Durante as eleições de 2018, Frota gravou um vídeo dizendo que Gerson teria se disfarçado de eleitor de Bolsonaro para xingar Haddad em uma igreja de Brasília.

Na época, o ex-ator porno era um apoiador de Bolsonaro.

“Vejam só aonde chega a canalhice desse partido. Ele se disfarçou para tentar culpar os seguidores de Jair Bolsonaro por esse papelão”, disse o parlamentar no vídeo.

Entretanto, o acusado provou que não estava em Brasília no dia em que o fato ocorreu.

Além da indenização, o parlamentar terá que publicar um texto em suas redes sociais fazendo a retificação.

A decisão ainda cabe recurso.

Fonte: Uol

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar