A “reunião secreta” entre José Serra e o delator: choro e pedido de clemência

Sim, houve uma reunião secreta entre José Serra e um dos delatores da Construtora Odebrecht.

O tal encontro teria ocorrido em 2016.

A jornalista Bela Megale, de O Globo, que revelou o fato, afirma que “a reunião secreta aconteceu na casa de um funcionário do senador, em uma comunidade, em São Paulo”.

E acrescenta Megale:

“A conversa foi difícil. Serra chorou, desesperou-se, e suplicou para que o executivo o poupasse. Aos prantos, o tucano disse que sua vida estaria acabada. Não teve jeito. Serra foi delatado e, quatro anos depois do encontro, tornou-se alvo de uma denúncia e de buscas da Lava-Jato.”

Faz sentido.

Aliás, é notório o quanto Serra andava obscuro, quieto, recolhido.

Nem parece que é detentor de um mandato senatorial.

Pois é, nos últimos tempos o homem vivia com medo.

O dia temido, finalmente chegou.

Serra tem vergonha do que fez...

da Redação

Comentários