"Da próxima vez, sem erros": Eis o grande perigo...

A frase mais comum entre os líderes da criminalidade esquerdista, quando planejam o retorno ao poder, é esta:

"Da próxima vez, não cometeremos os mesmos erros".

Quais são esses tais "erros"?

Ora, foi terem respeitado minimamente a democracia e subestimado a força das redes sociais, confiando que tudo já estava dominado; e que elegeriam uma nova dupla de vagabundos para dar continuidade ao saque do Brasil.

Mas havia um Bolsonaro no meio do caminho...

Como já é amplamente sabido, a criminalidade esquerdista já recuperou parte do poder, via STF, Câmara, Senado e imprensa. Já iniciaram a perseguição aos apoiadores do presidente e às redes sociais.

Porém, o significado do "não cometeremos os mesmos erros" é mais profundo.

Se a esquerda retornar integralmente ao poder, não sobrará pedra sobre nesse país, e as pessoas honestas que hoje combatem a vagabundagem, que se cuidem.

Marco Frenette

Comentários