assinante_desktop_cabecalho

'Nervoso', Witzel comenta sobre delação de ex-secretário (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O ex-secretário de Saúde do Rio, Edmar Santos, está muito perto de fechar um acordo de delação com a Procuradoria-Geral da República (PGR).

Segundo informações, Santos prometeu entregar um conjunto de provas que revelariam a participação do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, no esquema que mandou para a cadeia a cúpula da Saúde no estado.

Em suas redes sociais, o governador comentou sobre este possível acordo de delação e demonstrou estar nervoso perante a situação.

“Com relação às informações divulgadas pela imprensa sobre um possível acordo de delação do ex-secretário Edmar Santos com a PGR, reafirmo, com serenidade e firmeza, o meu compromisso com a população do RJ de governar com ética e transparência”, escreveu.

E acrescentou:

“Minha trajetória de vida fala por mim. Jamais me desviei do caminho da lei e, desde janeiro de 2019, do objetivo de reerguer o nosso Estado. Nem eu e nem ninguém pode ser acusado de qualquer irregularidade sem prova.”

Confira:

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar