assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

E o PT tenta levar vantagem no embalo do suicídio moral de Moro

Ler na área do assinante

Usando o embalo do suicídio moral cometido por Sérgio Moro, o ladrão Luiz Inácio resolveu promover o "AnulaSTF", uma campanha midiática que já está entre os assuntos mais comentados do país e que inclui uma perigosa INVESTIGAÇÃO AUTÔNOMA sobre a Lava Jato, alegando que agora o Brasil todo reconhece que Moro não é imparcial e que foi vítima da perseguição do juiz (vocês não estão vendo, mas eu revirei os olhos quando escrevi essa parte).

Dentre todos os desserviços que o interesseiro Moro fez ao povo brasileiro, esse foi o pior!

Penso que outros juízes julgaram as mesmas provas e aumentaram a condenação de Lula, mas não há como negar a parcialidade da lava jato acerca da preservação do PSDB. Vem daí as duras críticas do Aras, que fez direitistas acharem que ele se declarou a favor da corrupção por dizer que a "antiga Lava Jato precisa acabar" (mas isso é assunto pra outra hora).

Então o PT aproveitou a parcialidade do juiz para investigar de forma privada o caso que envolve o nome de seu líder.

É direito do PT? É...

É evidente a parcialidade do juiz? É...

Agora o STF usará todos os dados descobertos pela investigação particular do PT e decidirá se anula as condenações de Moro ou não...

É de cair os butiás do bolso!

Raquel Brugnera

Pós Graduando em Comunicação Eleitoral, Estratégia e Marketing Político - Universidade Estácio de Sá - RJ.

assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários