assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

O relatório do Planalto que irritou Doria e outros governadores (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O governo federal enviou para parlamentares o ranking de estados e municípios com mais mortes e casos de coronavírus. E parece que governadores, prefeitos e parte da grande mídia não gostaram dessa atitude.

Vale que lembrar que o STF deu poderes aos estados e municípios para agir no combate à doença, estabelecendo que governadores e prefeitos poderiam definir quais atividades seriam suspensas e os serviços que não seriam interrompidos.

No topo do ranking, com o maior número de casos e óbitos, está São Paulo, governado por João Doria. O estado ultrapassou 25 mil mortes e 600 mil infectados pela doença. Em seguida, no ranking de óbitos, aparecem Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Goiás e Bahia.

É natural e necessário que governadores e prefeitos prestem contas à sociedade dos bilhões recebidos para combater o vírus chinês. No entanto, parece ser mais fácil para os humanistas de mentirinha, fingir que o covidão não existe, ignorar as fartas quantias de dinheiro repassadas pelo governo federal, e seguir chamando o presidente Bolsonaro e os militares de genocidas, responsabilizando-os pelas mortes.

Assista a reportagem:

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários