assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

Lava Jato denuncia ministro do TCU por corrupção e lavagem de dinheiro

Ler na área do assinante

Nesta terça-feira, 25, o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Vital do Rêgo, foi denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro pela força-tarefa da Operação Lava Jato por recebimento de propina enquanto era senador e presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras.

Ele teve R$ 4 milhões em bens bloqueados nesta nova fase da operação.

Segundo a denúncia do MPF, Vital do Rêgo recebeu R$ 3 milhões de Léo Pinheiro, então presidente da OAS, para que os executivos da empreiteira não fossem convocados para depor na CPMI e na CPI do Senado, em 2014.

Nenhum empreiteiro foi convocado ou ouvido na CPMI da Petrobras.

As propinas, segundo o MPF, foram pagas por meio de repasses a intermediários e empresas sediadas na Paraíba, por meio de contratos fictícios fechados entre a OAS e estas empresas.

Vital do Rêgo é ministro do TCU desde fevereiro de 2015. A denúncia foi apresentada à Justiça Federal em Curitiba porque ele não tem foro privilegiado..

Fonte: G1

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários