assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

A pesquisa eleitoral, o Nine e seus efeitos psicológicos

Ler na área do assinante

Pesquisas mentirosas afirmam que o maior ladrão e bandido de nossa história tem 17% de intenção de voto. Em breve, mentirão dizendo que o Nine subiu para 23%, depois para 32% e, finalmente, para 53%.

Então, comemorarão o "fato" de a "maioria" dos eleitores brasileiros ser supostamente amante do que não presta, feito mulher de malandro.

A grande parte honesta do Brasil, ou seja, a parte conservadora que elegeu Bolsonaro, é obrigada não só a engolir a liberdade e vida luxuosa de um miserável que deveria apodrecer na cadeia, mas ainda suportar a palhaçada eleitoreira que a criminalidade esquerdista perpetra em torno de seu nome.

O Nine solto, e aproveitando os frutos de uma vida inteira dedicada ao roubo e à destruição de países, passa a deprimente mensagem ao povo brasileiro de que o crime compensa, e muito.

Já o Nine como candidato passará, mais uma vez, a mensagem de que a criminalidade esquerdista tem o mesmo valor ético e moral do que a parte honesta do país.

Marco Frenette. Jornalista e escritor.

assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários