assinante_desktop_cabecalho

A “medonha” OAB aciona o STF para tirar Bretas da Operação E$quema S e Gilmar decide

Ler na área do assinante

As seccionais da OAB do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São Paulo apresentaram ao ministro Gilmar Mendes ação contra as investigações da Operação Esquema S, que apura desvios de R$ 151 milhões da Fecomércio.

De acordo com o Ministério Público, os agraciados dos desvios milionários foram bancas de elite da advocacia, caso do escritório do advogado do ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, Cristiano Zanin.

O pedido da OAB alega que a investigação atinge autoridades com foro privilegiado e, por isso, não poderia tramitar na primeira instância da Justiça Federal.

O juiz que supervisiona o inquérito é Marcelo Bretas, homem sério, corajoso e conhecedor do direito. Um gigante na luta contra a corrupção.

A OAB, pelo visto, não tem nenhum interesse na apuração de crimes de corrupção, pelo menos quando estão envolvidos verdadeiros ‘medalhões’ da advocacia.

O processo fatalmente vai sair das mãos de Bretas e irá para o Supremo.

A investigação se debruça tão somente sobre a atuação dos advogados, mas envolve decisões de ministros do Superior Tribunal de Justiça e do Tribunal de Contas da União. É o gancho que precisavam...

Gilmar Mendes, que é sabidamente desafeto de Bretas, irá decidir a questão.

É fácil adivinhar qual será a sua decisão.

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários