Ministra Rosa Weber vai julgar pedido de Lula para afastar Moro

O pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para anular a decisão do ministro Gilmar Mendes, que devolveu as investigações contra o petista para o juiz Sergio Moro, será relatado pela ministra Rosa Weber.


O habeas corpus apresentado pelos advogados de Lula foi direcionado ao presidente do STF, Ricardo Lewandowski, mas, pelas regras do tribunal, esse tipo de ação só é julgada pelo presidente no recesso do Judiciário.

Inicialmente foi sorteado o ministro Edson Fachin, que se declarou impedido, alegando ser padrinho de um dos filhos de um dos advogados de Lula.

A nova relatora foi mencionada por Lula numa das ligações capturadas pela Polícia Federal com autorização judicial, quando ele em tom extremamente jocoso argumentava com o ministro Jacques Wagner, que se nenhum homem teve 'saco' para fazer algo contra a Operação Lava Jato, quem sabe uma mulher, no caso, a ministra que agora irá novamente julgar uma ação de interesse do ex-presidente.

da Redação

                                      https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça