assinante_desktop_cabecalho

Dia decisivo para todos os advogados do Brasil: OAB finalmente pode começar a ser fiscalizada pelo TCU

Ler na área do assinante

Nesta sexta-feira, 09, um marco histórico poderá ser alcançado por toda a Advocacia. O julgamento do Recurso Extraordinário 1.182.189, de relatoria do ministro Marco Aurélio que afetou a questão ao plenário do STF colocando-a em Repercussão Geral, e já adiantou seu voto:

“A OAB DEVE SER FISCALIZADA PELO TCU”

O julgamento se refere a fiscalização das contas da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) pelo Tribunal de Contas da União (TCU), cuja competência está inserida nos artigos 70 e 71 da Constituição da República.

O Presidente do Instituto Nacional de Advocacia (INAD), o advogado Rodrigo Salgado Martins disse:

“É fundamental a fiscalização do TCU nas contas da OAB, a fim de garantir a transparência da utilização dos recursos da entidade, tendo a certeza que o STF confirmará esta demanda da Advocacia no julgamento do Recurso Extraordinário 1.182.189, decidindo pela obrigatoriedade da fiscalização da OAB perante o TCU”.

O julgamento obrigará a Ordem dos Advogados do Brasil a ser fiscalizada pelo Tribunal de Contas da União.

De acordo com o Diretor Jurídico do INAD, Pierre Lourenço, “os mais de 1 milhão de Advogados em todo Brasil querem saber como são aplicados os recursos da Entidade e com o que efetivamente gastam.”

Confira:

Fortaleça o jornalismo independente do Jornal da Cidade Online.

Faça agora a sua assinatura e tenha acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários