assinante_desktop_cabecalho

Brad Pitt é acusado de estelionato

Ler na área do assinante

Uma empresária do Texas, Kelli Christina, está processando o ator Brad Pitt por estelionato. De acordo com Kelli, ela e o ator teriam fechado um acordo em que ele receberia R$ 224 mil em doações para a instituição de caridade que mantém, em troca de comparecer a eventos.

Porém, o ator não teria cumprido sua parte no acordo, não comparecendo a nenhum dos eventos.

Segundo Kelli, Brad entrou em contato para arrecadar fundos para a Make it Right, uma insitutição que ajuda na reconstrução do 9º Distrito de Nova Orleans (Luisiana), desde a passagem do furacão Katrina, em 2005.

Afirma, ainda, que deu bastante dinheiro ao ator para que ele comparecesse aos eventos de sua empresa de cuidados médicos, mas que ele sempre dava desculpas e dizia não conseguir ir.

Os advogados da defesa de Brad Pitt trabalham com a hipótese de que a empresária foi vítima de um golpista que se passou pelo famoso.

Brad nega ter se comunicado com Christina e afirma que nunca pediu pagamentos e nem autorizou ninguém a fazê-los em seu nome.

Ela pede US$ 100 mil por quebra de contrato e fraude na tentativa de recuperar o seu dinheiro.

Fortaleça o jornalismo independente do Jornal da Cidade Online.

Faça agora a sua assinatura e tenha acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar