Noeli de Carvalho e Silva

Editora - Jornalista e Produtora de Moda - Poetisa - Escritora de Fábulas, Contos, Estórias e Poemas Infantis.

Paixão de Cristo: Muita emoção em cena e figurinos fashion.

Quem não teve ainda a oportunidade de assistir pessoalmente a encenação da Paixão de Cristo mostrada em Nova Jerusalém no Município de Madre de Deus em Pernambuco, pode se emocionar, arrepiar, chorar e entender a maior doação de todos os tempos, pela qual a humanidade já passou, através da transmissão desse evento, mostrado hoje dia 26/03/2016, às 8 horas da manhã pela Rede Globo, simbolizando as comemorações do Sábado de Aleluia da Páscoa.

Os figurinos de época detalhados e minuciosos retratam com fidelidade passagens da vida de Cristo que foi o verdadeiro elo de amor e provação, que veio ao mundo, para dar o seu testemunho de entrega e superação.

Estrelas da Rede Globo como:

Igor Rickli (Jesus)

Igor Rickli interpreta Jesus Cristo assim como na temporada 2015 Foto Kamylla LimaG1

Bianca Rinaldi (Maria)

A atriz Bianca Rinaldi estreia na Paixo de Cristo de Nova Jerusalm como a personagem Maria Foto Felipe Souto MaiorDivulgao

Fiuk ( apóstolo João)

O cantor e ator Fiuk viver o apstolo Joo  Foto Felipe Souto MaiorDivulgao

Odilon Wagner (governador Pilatos)

Antônio Calloni (Herodes)

Compuseram este talentoso elenco que encenou a vida, calvário e ressurreição de Cristo.

Túnicas e véus brancos e nude, além de sandálias cruzadas e rasteiras de couro rústicas foram mostradas pelos atores que simbolizam o núcleo de judeus.

Os representantes do Sinédrio como Caifás e Anás, entre outros, que tanto temiam e queriam a condenação e morte de Jesus foram representados por vestimentas pretas e brancas, com túnicas longas. Eles usavam adornos de coroas nas cabeças, além de maxi colares que simbolizavam a sua hierarquia como ministros do Templo Sagrado, condenado pelos desvios morais por Jesus.

Túnicas longas e em tons mais terrosos e ferrosos ou vestimentas vermelhas e sensuais destacaram os personagens de Heródes vivido pelo ator Antonio Calloni

E seus figurantes representados por mulheres, que participavam de suas festas eróticas, libertinas, orgias e bacanais, também destacam sua cena nesta apresentação.

Cavalos garbosos, armaduras, escudos, lanças, biga dourada com vermelho, sandálias gladiadoras e túnicas na altura dos joelhos e vasadas retratam o governador romano Pôncio Pilatos, interpretado pelo ator Odilon Wagner e seus soldados, que foram os responsáveis pela crucificação de Jesus Cristo.

Já a pureza de Maria mãe de Jesus foi enfocada por túnicas em tons de azul e véus que lhe cobriam os cabelos, enfatizando toda a sua dor e sofrimento, pela crucificação do seu filho muito amado.

Caroline Correa que interpretou Maria Madalena usava e abusava do vermelho, que é a cor da carne, do pecado, da luxúria e da sensualidade.

Os soldados romanos usavam túnicas com drapeados de couro, armaduras douradas, ombreiras de couro, capacete dourado com plumas vermelhas, capas vermelhas e sandálias gladiadoras marrons.

Junto ao público se deslocando pelo espaço ao ar livre deste mega cenário que compõem esta trama narrando e comentando a grandiosidade da vida, morte e ressurreição de Jesus a cantora e pastora Fernanda Brum usou um vestido longo branco com lilás, que lhe deram através do branco a luz, através do lilás a perda, mas sendo que ambas as cores, representavam a glória da vida eterna de Jesus.

PONTO DE VISTA:

 

 Segundo declarações do ator Igor Rickli que pelo segundo ano consecutivo interpreta o nazareno Jesus este até agora foi o maior papel da sua vida, pois lhe oportunizou vivenciar a saga, sofrimento e libertação de Cristo.

"Esta emoção é ímpar, que eu vou levar para o resto da vida" - Disse pra lá de emocionado o ator Igor Rickli.

No entender do ator Antonio Calloni este papel de representar Herodes lhe trouxe uma experiência fantástica, onde ele sentiu de perto interação do público, com este grande espetáculo.

Para o ator Odilon Wagner a sua encenação de Poncio Pilatos que lavou as mãos sobre a condenação de Jesus, diante de 8 mil pessoas é uma experiência única e muito emocionante.

Viver a personagem de Maria mãe de Jesus deu a certeza a atriz Bianca Rinaldi que precisou conter a sua grande emoção por entender que somente uma mulher do porte de Maria que foi a escolhida por Deus, para conceber Jesus, poderia aguentar tais sofrimentos pelos quais ela vivenciou e passou.

"Ter divido a emoção com as pessoas na hora da ressurreição do Cristo foi a maior alegria que eu poderia sentir" - Declarou a atriz Caroline Correa, que interpretou Maria Madalena.

Um dos pontos emocionantes da encenação é o momento da comunhão de Jesus com os apóstolos, onde ele distribui o pão e o vinho como símbolos do seu corpo e seu sangue, que serão derramados para o perdão da humanidade, por todos os seus pecados. Neste momento Jesus fala a João que aquele para quem entregar o pão molhado no vinho será o seu delator e o entregará as autoridades do Sinédrio, que queriam o seu fim e este no caso foi o apóstolo Judas.

O ponto alto da encenação tem dois grandes momentos: O da crucificação de Jesus, vivendo o seu Calvário, que após duro sofrimento e agonia, entrega seu espírito ao pai 

E o segundo momento da sua ressurreição, onde ele usa vestes brancas e luminosas, mostrando a sua ida ao encontro de Deus Pai.

Mais informações sobre a moda poderão ser adquiridas no http://www.anjinhadamoda.com/

Por hoje é só. Até o nosso próximo encontro falando de outro tema importante da moda. Espero vocês. Até lá.

Jornalista Noeli de Carvalho e Silva

Noeli de Carvalho e Silva

Editora - Jornalista e Produtora de Moda - Poetisa - Escritora de Fábulas, Contos, Estórias e Poemas Infantis.

Siga-nos no Twitter!

Mais de Noeli de Carvalho e Silva

Comentários

Notícias relacionadas