A face oculta de Luiz Inácio, revelada pelo ‘grampo’

As gravações grampeadas pela Polícia Federal, sacudiram o país e, fundamentalmente, revelaram uma figura extremamente diferente daquela que se apresenta para o eleitorado e para a sociedade.


Tudo em Lula parece ser exatamente o oposto do que ele prega no seu dia-a-dia.

Se em seus discursos, em suas entrevistas e em suas pregações, ele combate a corrupção, no grampo vimos um sujeito tresloucado tramando práticas ilegais, através da utilização do dinheiro e do poder.

Se no exercício da presidência, prestigiou e defendeu às mulheres, incentivou a participação feminina na política e nomeou para cargos importantes, inclusive algumas ministras, no grampo, mostrou-se deselegante, machista e infame, referindo-se as mulheres com desdém, de forma jocosa, tratando as militantes como ‘mulheres de grelo duro’ e, em seu devaneio, insultando até mesmo a ministra do STF Rosa Weber.

Quanto aos homossexuais, dedicou uma referência especial e extremamente desrespeitosa aos gays do sexo masculino, indagando numa conversa: ‘cadê os meninos de c* largo’.

Da mesma forma, demonstrou o seu desprezo pelas autoridades constituídas, quando flagrado numa conversa telefônica sugeria aos ministros do STF que enfiassem o processo naquele lugar.

Tudo isso em algumas poucas horas de conversas telefônicas.

Uma clara demonstração de que Lula é um grande engodo, um farsante e dissimulado.

Fora dos holofotes é outra pessoa, o verdadeiro Luiz Inácio, um autoritário, prepotente e canalha.

Amanda Acosta

redacao@jornaldacidadeonline.com.br 

                                             https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política