assinante_desktop_cabecalho

Sim, existe algo ainda mais assustador do que a imposição de um novo padrão de convivência social

Ler na área do assinante

O que é mais assustador da fraudemia, além da tentativa de imposição de um novo padrão de convivência social, é que ela fez descortinar como nós, brasileiros, somos pobres.

Como a maioria de nós apenas sobrevivemos, trabalhando para levar a vida com o mínimo de dignidade, bastou a ocorrência de um único fator extraordinário para nos levar à perda do pouco padrão material que temos, em um efeito cascata nunca visto antes.

Portanto, não é certo dizer que a fraudemia trouxe a pobreza, ou nos levou à situação de falência, ou algo parecido. O correto é dizer que a fraudemia impediu que continuássemos sempre conseguindo nos virar com o cobertor curto, revezando-nos entre cobrir a cabeça e descobrir o pé, e vice-versa. Ou então, que a fraudemia interrompeu o ciclo de todos sobreviverem à custa de créditos e prestações.

A vulnerabilidade econômica de uma população conduz à vulnerabilidade social, que por sua vez leva à vulnerabilidade emocional e moral.

Só nos resta rogar a Deus que continue abençoando a nós, brasileiros, e nos dando forças para ultrapassarmos esse período histórico em que somos atacados por forças do Mal.

Amém!

Você quer saber como ajudar o Jornal da Cidade Online?

É simples, fácil e rápido...

Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura e tenha acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar