assinante_desktop_cabecalho

Capela é destruída na BA por intolerância religiosa: “Isso é um ódio, mas não vamos parar”, diz padre (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Uma capela usada pela comunidade da Paróquia São Lázaro de Betânia, na Ilha de Maré, em Salvador, para as celebrações religiosas, foi destruída nesta quarta-feira (28).

Pessoas ainda não identificadas destruíram o local que vinha sendo utilizado provisoriamente pela comunidade, enquanto a paróquia de pedra, que está sendo construída, não fica pronta.

O padre Kelmon Luís Sousa, manifestou a sua indignação com o ocorrido:

“Hoje, eu tive a surpresa da destruição. Quebraram a cruz, jogaram fora, destruíram muitas coisas. Quebraram os bancos. Nós não sabemos quem fez isso. Mas vamos refazer, não vamos parar. Foi um ato de intolerância à religião. Todo desrespeito a um local de oração, é uma agressão a uma religião de alguém. Isso é um ódio, mas não vamos parar".

A notícia é gravíssima e preocupante, mas grande parte da mídia não está divulgando.

Eles não querem que a população saiba...

Parece que finalmente conseguiram trazer esse ódio inexplicável para o Brasil.

Não é difícil deduzir de onde partiram os ataques. A intenção parece ser clara, atingir o padre que ficou ‘famoso’ na internet por produzir um vídeo criticando os 152 bispos que assinaram uma carta atacando o presidente Jair Bolsonaro e atacando a corrupção da 'era PT'.

Veja o vídeo:

Você quer saber como ajudar o Jornal da Cidade Online?

É simples, fácil e rápido...

Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura e tenha acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar