Desesperado... Lula quer candidatos do PT atacando Bolsonaro durante campanha na TV

Ler na área do assinante

Nesta sexta-feira (06), o ex-presidente Lula participou de reunião com integrantes do PT, onde incitou os candidatos do partido a utilizarem a última semana de campanha municipal para realizar ataques aos adversários que tem ligação com o governo federal e, principalmente, apontar falhas do presidente Jair Bolsonaro no combate à pandemia.

“Não estamos aí só para disputar a eleição. Temos que fazer oposição”, declarou Lula, de acordo com o relato de participantes da reunião.

Segundo petistas, a reunião serviu para lembrar que fazer oposição a Bolsonaro era o objetivo principal desde o início.

Apesar de não ser o atual presidente do partido, Lula ainda é a figura que comanda todas as ações, por determinação sua o PT não formou alianças e acabou lançando um número recorde de candidatos próprios em capitais.

Ao total, são 21 candidatos à prefeituras de capitais, sendo que 14 deles isolados em chapas puras e com chances mínimas de vitória.

A estratégia de Lula era aproveitar o horário eleitoral dos candidatos para que eles fizessem sua defesa pública, além de atacar Bolsonaro. Porém, demonstrando o quanto o poder do ex-presidente está em queda dentro do próprio partido, a maioria dos candidatos decidiu contrariar as orientações e usar o espaço para apresentar propostas de governo.

Como reação ao não cumprimento das orientações, a direção nacional do partido decidiu cobrar dos candidatos o realinhamento das campanhas de acordo com o plano inicial.

Oportunismo petista!

Você se incomoda com as publicidades no site?

Você quer ajudar o Jornal da Cidade Online?

Então, faça a sua assinatura do JCO e navegue no site sem nenhuma publicidade.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Revista Oeste

da Redação
Ler comentários e comentar