assinante_desktop_cabecalho

Quem diria, esquerdas vetam Moro, e alegam “inimizade pessoal” com Lula

Ler na área do assinante

Luciano Huck, o apresentador da Rede Globo, teve reunião com o ex-juiz Sérgio Moro, no final de outubro.

A intenção de Huck, segundo a Folha de S.Paulo, é a construção de uma frente contra Jair Bolsonaro, em 2022.

A iniciativa parece inclinada ao revés.

A esquerda não aceita Sérgio Moro no grupo.

Segundo o jornal, “a explicação é que o ex-juiz é bolsonarista na essência, não é dissidente de fato do governo, porque saiu quando não tinha mais poder, e é inimigo pessoal de Lula e de outros personagens importantes para o bloco”.

A reportagem deixa transparecer que Moro aceitaria essa frente.

Pelo menos, até o momento o ex-ministro não se manifestou. Está calado. Aguardando as negociações...

Quer dizer, para Moro, tudo bem. Ele, Lula, Ciro e Huck contra Bolsonaro?

O jornal ainda diz o seguinte:

"Ainda que Luciano Huck dê sinais de que deseja construir uma ampla frente contra Jair Bolsonaro em 2022, a inclusão de Sergio Moro no grupo acaba com qualquer possibilidade de união, avaliam representantes da esquerda e da centro-esquerda."

As máscaras vão se espatifando...

Você se incomoda com as publicidades no site? Você quer ajudar o Jornal da Cidade Online?

Então, faça a sua assinatura do JCO e navegue no site sem nenhuma publicidade.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Folha de S.Paulo

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar