assinante_desktop_cabecalho

A idiotice dos “canhotas”, o reino da mentira, o doce canto das sereias e um aviso

Ler na área do assinante

Viva! Saudemos o amanhã! Bolsonaro arranjou um segundo pai!

Sim, senhores, Joe Biden é novo segundo pai de Bolsonaro.

Segundo os “jornalistas-oráculos” do Brasil, aqueles que ainda imaginam que tem alguma influência sobre o pensamento das pessoas, “Joe, o Dorminhoco”, foi eleito nos EUA, não para governar o pais onde vivem os americanos, mas para consertar os erros do “menino levado” Bolsonaro e ele terá que se submeter a tudo aquilo que Biden disser. Para que tudo isto aconteça, Joe escalou ele mesmo e a sereia Kamala Harris.

Os grandes “Jornalecos”, O Globo, A Folha, O Estadão, somados aos “çabios” da Globo News, CNN, os “articulistas” e “especialistas” em consertar o “Brasilzão” que as esquerdas, junto com Lula, quebraram e assaltaram, comemoram sem parar a vitória de Biden.

Esses mesmos, nesta última semana, todos juntos, foram unânimes em dizer: Biden obrigará Bolsonaro a mudar! E argumentam que até agora Bolsonaro fez tudo errado! Não segue de modo algum as fórmulas mágicas que “os çabios” dessas emissoras/empresas dão ao Brasil. Menino teimoso, esse Bolsonaro!

A primeira providencia que Bolsonaro deverá adotar será a de demitir, o Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo e o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Segundo eles, Ernesto não coopera e nem se relaciona e Salles destrói o meio ambiente. Ou Bolsonaro demite os dois, ou será demitido. Simples assim. O bom velhinho que foi eleito “lá nos americanos” vai colocar uma máscara de Durango Kid, pousará aqui no Brasil e fuzilará Bolsonaro e seu governo. Simples assim.

Ao terminar esses argumentos, todos se olham como se tivessem expressado algo genial, e um confirma o argumento do outro, que é o mesmo argumento. É hilário.

E eles ainda são apresentados como “grandes jornalistas”.

Para confirmar tudo o que os “jornalistas-oráculos” vêm afirmando, ontem, Biden e sua vice discursaram como vitoriosos.

A vice disse que trouxe a “esperança” e Biden disse que trouxe a “cura”. Hilários!

Os discursos são de políticos profissionais: um traz a “cura” e o outro traz a “esperança”. São políticos brasileiros em ação!? Nada de concreto, tudo etéreo, as coisas virão, pode acreditar.

Biden, como um Avatar, foi mais longe e disse:

“Na segunda-feira, nomearei um grupo de cientistas e especialistas como Conselheiros de Transição para ajudar a assumir o plano Biden-Harris para a Covid e convertê-lo em um plano de ação que começa em 20 de janeiro de 2021. Esse plano será construído sobre os alicerces da ciência. Será construído com compaixão, empatia e preocupação. Não pouparei esforços ou comprometimentos para reverter essa pandemia”.

Uai! Daqui até lá serão quase 3 meses! Quem morrer de Covid até 20 de janeiro, não será por culpa de Biden! Não, até janeiro, quando estão previstas as vacinas e sua aplicação em todo planeta, Biden nos salvará! Aleluia! Saravá! Com as vacinas nas mãos, Biden, as esquerdas e “os çabios” da imprensa do Brasil salvarão a humanidade.

Perceberam o engodo?

Esse é o discurso de um POLÍTICO profissional que tem 50 anos de congresso! Sobre tipos como esse, disse Rui Barbosa no texto o Reino da Mentira:

“Mentira toda ela. Mentira de tudo, em tudo e por tudo. Mentira na terra, no ar, até no céu, onde, segundo o padre Vieira (que não chegou a conhecer o sr. Urbano Santos), o próprio sol mentia ao Maranhão, e direis que hoje mente ao Brasil inteiro. Mentira nos protestos. Mentira nas promessas. Mentira nos programas. Mentira nos projetos. Mentira nos progressos. Mentira nas reformas. Mentira nas convicções. Mentira nas transmutações. Mentira nas soluções. Mentira nos homens, nos atos e nas coisas. Mentira no rosto, na voz, na postura, no gesto, na palavra, na escrita. Mentira nos partidos, nas coligações e nos blocos. Mentira dos caudilhos aos seus apaniguados, mentira dos seus apaniguados à nação. Mentira nas instituições. Mentira nas eleições. Mentira nas apurações. Mentira nas mensagens. Mentira nos relatórios. Mentira nos inquéritos. Mentira nos concursos. Mentira nas embaixadas. Mentira nas candidaturas. Mentira nas garantias. Mentira nas responsabilidades. Mentira nos desmentidos. A mentira geral. O monopólio da mentira. Uma impregnação tal das consciências pela mentira, que se acaba por se não discernir a mentira da verdade, que os contaminados acabam por mentir a si mesmos, e os indenes, ao cabo, muitas vezes não sabem se estão, ou não estão mentindo.”

Ontem, todos os jornais do mundo anunciaram:

“Pfizer diz que análise inicial mostra que vacina de covid-19 é 90% eficaz”

As fabricantes Pfizer e BioNTech descreveram a novidade nesta segunda-feira (9/11) como um "grande dia para a ciência e para a humanidade”. Elas informaram que até agora não encontraram nenhuma preocupação séria com a segurança e esperam buscar autorização para uso de emergência nos Estados Unidos ainda este mês.

Quem era contra a ciência, segundo a “imprensa-canhota”, e disse que vacinaria os americanos até dezembro?? TRUMP!

Quem era contra a ciência e investiu 1,95 BILHÕES de dólares na vacina da Pfizer e BionNT, firmando um contrato de 100 milhões de doses para vacinação imediata do povo americano? TRUMP!

Biden, apressou-se em dizer: "As notícias de hoje são ótimas, mas não mudam esse fato", disse Biden em um comunicado. "O anúncio de hoje promete a chance de mudar isso no próximo ano, mas as tarefas que temos pela frente agora permanecem as mesmas”.

Notem que a covardia continua! A imprensa e sua dupla de candidatos mentirosos nada reconhecem. Martelaram, dia e noite, afirmando que Donald era contra a ciência e nada fez contra a pandemia e agora são desmentidos pela realidade.

No Século VIII Antes de Cristo, Homero escreveu um grande poema épico chamado “Odisseia”. No Canto XII do poema – versos 39 a 54 ele narra o encontro do herói Ulisses com as Sereias e sobre os vários perigos que o esperam. Curiosamente, para os antigos gregos, as Sereias não tinham caudas de peixes, mas sim asas de pássaros. Eram mulheres-pássaros que entoavam um canto divino e sedutor que enfeitiçava a quem ouvia. Viviam em uma ilhota cercada por uma massa de restos mortais de humanos, que enfeitiçados pelos maviosos cantos que as sereias entoavam, perderam a vida. Qualquer barco que passasse diante da ilha e seus marinheiros ouvissem o canto das Sereias, enfeitiçados, perderiam o controle e o barco iria de encontro aos rochedos matando a todos. O herói Ulisses decide ouvir o canto para entender o que existe nele que seduz os mortais.

Quando o barco em que navegam chega perto da ilhota onde estão as Sereias-Cantoras, Ulisses pede que todos tapem os ouvidos com cera para que não escutem nada, e pede que o amarrem firmemente ao mastro, de modo a não poder se mexer.

Então o vento para de soprar e nenhum barulho se ouve. Nessa calmaria e quase imobilidade as Sereias entoam seu canto, convidando Ulisses a ouvir a verdade, a glória dos heróis e sua própria glória!

Mas Ulisses, apesar de ouvir o canto enfeitiçador das sereias não sucumbe, não cede, pois está atado por cordas e assim o barco passa devagar e afasta-se definitivamente das sereias.

O povo americano, apesar de letrado e esperto, não atou-se preventivamente ao mastro de seu “navio-nação” e nem tampou os ouvidos com cera, mas preferiu ouvir o doce canto das sereias, ouvir as mentiras maravilhosas, as glórias que alcançariam se fossem conduzidos pela dupla Biden/Harris, ouvir as ameaças infantis contra um pais chamado Brasil, feitas por um candidato dorminhoco e carreirista, escutaram o canto da sereias e fatalmente o barco em que navegam vai se espatifar contra os rochedos.

Misturando tudo isso, eu não paro de pensar mesmo é no aviso fixado em um banheiro de uma lanchonete na beira da estrada:

- “NÃO ENTUPA O VASO SANITÁRIO, POIS A MÃO QUE O LAVA É A MESMA QUE PREPARA O SEU LANCHE!”

Você se incomoda com as publicidades no site? Você quer ajudar o Jornal da Cidade Online?

Então, faça a sua assinatura do JCO e navegue no site sem nenhuma publicidade.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Foto de Carlos Sampaio

Carlos Sampaio

Professor. Pós-graduação em “Língua Portuguesa com Ênfase em Produção Textual”. Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar