assinante_desktop_cabecalho

Líder do MBL terá que indenizar jornalista da Globo

Ler na área do assinante

Renan Santos, Coordenador do Movimento Brasil Livre (MBL), foi condenado a pagar indenização ao jornalista José Roberto Burnier, da GloboNews.

A sentença estipulou o valor de R$ 45 mil, em razão de críticas e ofensas feitas por Renan à cobertura do jornalista Burnier sobre o impeachment de Dilma Roussef, em 2015.

No decorrer do impeachment, do qual Burnier fazia a cobertura, Renan o chamou de “canalha”, e a página do MBL publicou uma montagem em que o jornalista era retratado como uma prostituta oferecendo seus serviços à Dilma.

Em sua defesa, Renan disse à Justiça que não houve ofensa, apenas o exercício de “seu direito constitucional de liberdade de pensamento e crítica”. Também alegou não ter conhecimento da publicação, mas acabou por defendê-la, classificando a imagem como uma sátira, “uma charge de humor que não configura abuso de direito de crítica”.

A juíza da causa entendeu de maneira diferente e deu a sentença em favor de Burnier. Não cabe mais recursos à condenação e o processo já está em fase de cumprimento de sentença.

Uma nova derrota da turma do MBL!

Que fase....

Você se incomoda com as publicidades no site?

Você quer ajudar o Jornal da Cidade Online?

Então, faça a sua assinatura do JCO e navegue no site sem nenhuma publicidade.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você!

Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar