Em sua primeira intervenção no 2º turno, Boulos demonstra que é um perigoso e lunático debiloide

Ler na área do assinante

A solução dada por Guilherme Boulos para acabar com o déficit na previdência é uma clara demonstração do que essa figura representa.

O candidato disse que o déficit previdenciário no serviço público ocorre porque as pessoas se aposentam e não há novos concursos.

“Para a previdência se equilibrar, você tem que ter gente contribuindo, não só gente recebendo. Então, você tem mais gente se aposentando, virando inativo para receber a previdência, e como não se faz concurso, você tem menos gente contribuindo para a previdência.”

Gustavo Franco, ex-presidente do Banco Central e um dos componentes da equipe responsável pela implantação do Plano Real no Brasil, definiu com clareza a ideia lunática do “gigolô de sem teto”, na definição do jornalista Augusto Nunes.

Eis o que disse o renomado economista:

“Eu nunca vi uma explicação tão clara sobre a ideia de Pirâmide Financeira, ou de Corrente da Felicidade. É para a CVM abrir um Processo Administrativo por Indução à Fraude e propor o impedimento do personagem.”

Perfeito. Boulos é uma fraude. Um risco à sociedade.

Basta que o deixem falar, que ele próprio se revela e se entrega.

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar