Derrete o apoio político ao candidato escolhido pelo comunista Flávio Dino

Ler na área do assinante

Inesperadamente, DEM e PDT, que saíram derrotados no recente pleito em São Luís, no Maranhão, anunciaram, nesta quarta-feira (18), o apoio à candidatura de Eduardo Braide (Podemos), adversário de Duarte Júnior (Republicanos), candidato do governador Flávio Dino.

O movimento contrário dos então 'aliados' do PC do B antecipa o que possivelmente ocorrerá na sucessão do governo do Maranhão em 2022.

Esta nova aliança dos partidos desaba a tentativa de Flávio Dino de blindar seu afilhado político Duarte.

A decisão dos partidos aliados de apoiar um candidato adversário põe em xeque a capacidade de articulação do governador em um momento em que sonha ser presidente do Brasil e defende a construção de uma aliança ampla para enfrentar Jair Bolsonaro.

Visto como um concorrente de peso, Braide faz forte oposição a Dino ao contar com o apoio de alguns dos principais adversários do governador, como o senador Roberto Rocha (PSDB) e a ex-governadora Roseana Sarney (MDB).

Já Duarte Júnior, que é advogado e foi aluno de Flávio Dino na universidade, sempre esteve ligado ao PC do B e só saiu do partido quando perdeu disputa interna que nomeou Rubens Júnior para disputar o pleito.

No primeiro turno, o oposicionista Eduardo Braide saiu na frente, com 37,8% dos votos válidos, contra 22,2% de Duarte Júnior, 16,2% de Neto Evangelista e 10,6% de Rubens Júnior.

Vendo que a disputa seria acirrada e notando a organização da maioria dos partidos em torno de Braide, Dino, que havia optado pela neutralidade no primeiro turno, anunciou apoio ao seu ex-aluno, em um vídeo publicado nas redes sociais.

“Meu apoio firme e decidido vai para o candidato Duarte Júnior. Duarte já integrou o meu partido e tem experiência de boa gestão no nosso governo. Sempre se mostrou corajoso, eficiente e incansável”, afirmou.

Apesar do apelo do governador, Braide recebeu adesão até mesmo de políticos do próprio PC do B, no caso o deputado estadual Carlinhos Florêncio.

E segue a dança das cadeiras.

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar