assinante_desktop_cabecalho

O Fundo Eleitoral, a cota feminina e o voto que “custou” 17 mil reais

Ler na área do assinante

Tudo indica que, mais uma vez, inúmeras candidatas mulheres foram usadas como ‘laranjas’ para que partidos políticos pudessem driblar a lei das cotas femininas.

O jornal Estadão identificou 6.372 mulheres candidatas que tiveram apenas um ou nenhum voto.

Parece óbvio que todas essas mulheres foram usadas como “laranjas”.

Na matéria, o jornal ressalta o caso de um voto que ‘custou’ R$ 17 mil reais.

A candidata Marjory Piva teve apenas um voto, mas recebeu R$ 17 mil de seu partido.

Fica o questionamento: De que vale a lei?

Os partidos descumprem nas ‘barbas’ da Justiça Eleitoral.

E no ‘frigir dos ovos’ não sofrem qualquer reprimenda.

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Estadão

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar