Propaganda chinesa, acusada de ser a mais racista da história, volta a viralizar (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Um vídeo chinês de 2016, propaganda de uma marca de sabão em pó para lavar roupas voltou a circular na internet.

Nele, uma jovem chinesa aparece lavando roupas. Em seguida, um homem negro com machas brancas no rosto entra na área de serviço e se aproxima da moça. Ela coloca um tablete de sabão na boca do rapaz e o empurra para dentro da máquina de lavar.

Segundos depois, o homem sai de dentro do eletrodoméstico branco e com aparência asiática. A jovem fica “encantada” com o resultado.

A propaganda foi veiculada por um mês na televisão e cinemas do país. Não chamou muito a atenção do público de lá. Mas, fora das fronteiras da China, a peça publicitária começou a ser citada nas redes sociais por várias celebridades, que alertavam a população para o cunho racista do vídeo.

Um internauta chegou a dizer:

“Meu Deus. Os publicitários chineses não têm educação racial”.

Confira:

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: G1

da Redação
Ler comentários e comentar