Delcídio começa a falar nesta segunda

O senador Delcídio do Amaral tem novo encontro nesta segunda-feira (11) com os procuradores da Operação Lava Jato, quando efetivamente irá iniciar a sua delação premiada. O ex-líder do governo no senado, que apresentou as linhas gerais de sua delação para a homologação, agora começa a detalhar, contar fatos, situações e dar explicações.


Delcídio sabe muito, sempre foi bem articulado, inteligente, participou de muita coisa ao lado de Lula. Despachava com Dilma, era o seu homem de confiança.

Foi Delcídio quem ajudou Lula a garantir o silêncio de Marcos Valério, o 'carequinha' do mensalão. 

Delcídio, antes de ser preso, vinha conduzindo as coisas, no sentindo de que Dilma se mantivesse ilesa na questão da compra de Pasadena.

As conversas com Bernardo Cerveró faziam parte deste contexto. O senador tem muito a falar sobre o melancólico e combalido governo Dilma e também sobre o período do ex-presidente Lula.

O seu desabafo é marcante: ‘Não fiz delação só para diminuir minha pena; fiz por ver que o PT é um covil de hipócritas! Quando fui preso fingiram que não me conheciam, viraram-me as costas e se investiram de santos. Me trataram como se eu fosse indigno de estar no partido deles e por isso seria expulso. Mentirosos, dissimulados. Fiz o que me pediram, mas agiram como se eu tivesse feito tudo por minha conta e risco’.

Vamos aguardar.

da Redação

                                   https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política