Barroso descarta qualquer possibilidade de voto impresso

Ler na área do assinante

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, afirmou que o Supremo Tribunal Federal (STF) já decidiu ser inconstitucional a adoção novamente do voto impresso no país.

“Objetivamente não existe hoje no Brasil a possibilidade de voto impresso”, disse Barroso.

Para Barroso, o voto impresso “representaria um risco real” para o sigilo do voto.

Sobre as últimas declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre uma possível adoção do novo sistema, o ministro disse:

“Portanto, respeitando a opinião do presidente, o voto impresso traria grande tumulto ao processo eleitoral brasileiro porque todo candidato derrotado iria pedir recontagem, impugnações e judicialização do processo eleitoral.”

E continuou:

“Agora, se o presidente, como qualquer pessoa, tiver alguma comprovação de fraude, em algum momento, eu imediatamente diligenciarei no sentido de apurar. Mas eu sou juiz, eu lido com fatos e provas e, portanto, não posso me impressionar com a retórica política que faz parte de um jogo que não me cabe jogar.”

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar