As desculpas esfarrapadas e justificativas neuróticas dos institutos de pesquisa

Ler na área do assinante

Nessas eleições algo ficou ainda mais escancarado…

As pesquisas eleitorais não são confiáveis!

Com os inúmeros erros, a credibilidade dos tais ‘institutos de pesquisas’, que já não ia bem, definhou.

O diretor do Datafolha tentou explicar os erros grosseiros nas pesquisas de São Paulo, Recife e Porto Alegre:

“Depois que a pesquisa de véspera é divulgada, muitos eleitores observam o resultado desse levantamento, articulam-se e, somado a outros fatores, mudam de voto. A única pesquisa que pode ser comparada com o resultado oficial é a boca de urna.”

O Ibope, por sua vez, deu uma justificativa igualmente patética e um tanto ‘neurótica’:

“Eleições municipais, especificamente, são bastante dinâmicas, pois lidam com assuntos que impactam diretamente o eleitor e ele deixa para decidir seu voto na última hora.”

Uma coisa parece certa…

Nunca mais o eleitor confiará nos institutos de pesquisas!

Um movimento apócrifo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e implantar o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Ajude o JCO a continuar sobrevivendo com independência. Faça a sua assinatura.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: O Globo

da Redação
Ler comentários e comentar