Caso Marcius Melhem: Depois do "silêncio" sobre escândalo, Globo finalmente se manifesta

Ler na área do assinante

Após a divulgação, em diversas mídias, de detalhes sobre os assédios moral e sexual que a atriz e humorista, Dani Calabresa, vinha sofrendo do chefe, Marcius Melhem, ex-diretor da Rede Globo; a emissora carioca resolveu romper o silêncio e, finalmente, emitir nota oficial.

No comunicado, a “poderosa” falou sobre suas políticas de apuração em denúncias internas que envolvem funcionários. Porém, disse que “não comenta questões de compliance, mas reafirma que todo relato de assédio, moral e sexual, é apurado criteriosamente assim que a empresa toma conhecimento”.

O Grupo Globo garantiu não tolerar “comportamentos abusivos em suas equipes e incentiva que qualquer abuso seja denunciado”. Destacou também que há um “canal aberto” para denúncias desse tipo e compromisso com o sigilo dos processos e as respectivas investigações. Por isso, a emissora justifica que “não faz comentários sobre as apurações”.

A Rede Globo informou que, com relação aos denunciados, várias medidas cabíveis podem ser tomadas, “de uma advertência até o desligamento” da empresa. Mas, “as razões de compliance não são tornadas públicas”.

O caso da humorista, Dani Calabresa, gerou muita polêmica nas redes sociais, depois que a Revista Piauí fez uma extensa matéria e conversou com 43 testemunhas do caso. A publicação trouxe detalhes sórdidos de como o ex-diretor global, Marcius Melhem, abusava de mulheres que eram subordinadas a ele.

“Houve um comportamento recorrente de trancar mulheres em espaços e as tentar agarrar, contra a vontade delas. De insistir e ficar mandando mensagem, inclusive de teor sexual, para mulheres que ele decidia se iam ser escaladas ou não para trabalhar, se ia ter cena ou não para elas. De prejudicar a carreira de mulheres que o rejeitaram. De ficar obcecado, perseguindo mesmo. Foi um constrangimento sistemático e insistente, muito recorrente”, relatou a advogada, Mayra Cotta, que assessora um grupo de artistas que fazem as acusações contra Melhem.

Marcius Melhem foi demitido da Globo, em agosto deste ano, após 17 anos de contrato. O caso dele é só mais um entre os muitos escândalos de assédios moral e sexual, envolvendo a emissora do Rio.

ATENÇÃO! Agora você tem a opção de assinatura do JCO com boleto!

Um movimento anônimo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e impor o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar