Doria confirma que vacinação com a "CoronaVac" começa em janeiro

Ler na área do assinante

O Governador de São Paulo, João Dória (PSDB), acaba de confirmar nesta segunda-feira (07) que a vacina chinesa CoronaVac será aplicada no estado a partir do dia 25 de janeiro de 2021.

O imunizante, que ainda não passou pela aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), será obrigatório e distribuído, primeiramente, para todos os profissionais de saúde, quilombolas e indígenas e cada pessoa receberá duas doses, de acordo com o cronograma de 5 fases de João Dória.

As informações foram dadas pelo governador em coletiva feita hoje, no Palácio dos Bandeirantes.

“A fase 1, que é essa que começa no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, é a fase de imunização que será destinada aos profissionais de saúde, todos eles, e pessoas com mais de 60 anos. A escolha do público-alvo para essa fase 1, levando em consideração a incidência de óbitos de coronavírus no estado de São Paulo”, argumentou.

Apesar da extrema pressa de Dória em utilizar a vacina chinesa, a eficácia dela não pôde ser aprovada porque ela ainda está na terceira fase, justamente, a da eficácia. Até novembro passado, o imunizante, sequer tinha os 13 mil voluntários de que precisava, de acordo com Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan, que produz a vacina em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

O povo de São Paulo irá aceitar a vacina chinesa?

ATENÇÃO! Agora você tem a opção de assinatura do JCO com boleto!

Um movimento anônimo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e impor o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar