Vereador eleito do PSOL diz que imagem de Bolsonaro decapitado é "arte" e não deve ser "censurada"

Ler na área do assinante

Na última sexta-feira (04), o vereador eleito pelo PSOL na cidade de Niterói (RJ), Tulio Rabelo, o professor Tulio, postou, em suas redes sociais, uma declaração de apoio ao artista que divulgou uma foto em que o presidente Jair Messias Bolsonaro aparece decapitado.

Em sua publicação, Tulio questiona a decisão da Polícia Civil, que indiciou Diadorim, o autor original da postagem polêmica.

Eleito no dia 15 de novembro, Professor Tulio já demonstra o discurso de ódio, característico de seu partido e chama a decisão da corporação policial de ‘censura’, dizendo que a escultura é uma ‘manifestação artística’.

“É inaceitável a instrumentalização da polícia pela família Bolsonaro para fins políticos. Nossa solidariedade ao Diadorim. Que a liberdade de manifestação artística seja respeitada sem qualquer tipo de censura!”, afirmou.

A Polícia Civil fez a análise da imagem e concluiu que a mesma se caracteriza como prática de incitação ao crime.

Há que se perguntar... Seria defendida como ‘obra de arte’ se o político simbolicamente decapitado fosse de esquerda?

ATENÇÃO! Agora você tem a opção de assinatura do JCO com boleto!

Um movimento anônimo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e impor o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

da Redação
Ler comentários e comentar