Vacinas falsas nos camelôs do Rio: Até com "certificado de imunização"

Ler na área do assinante

No último domingo (20), postagens nas redes sociais, principalmente no Twitter e no Facebook, denunciaram a venda de vacinas falsas.

Segundo internautas, camelôs de Madureira, Zona Norte do Rio de Janeiro estão vendendo a CoronaVac falsificada por R$ 50, com direito a certificado de imunização, e com opção de aplicação na hora, o que elevaria o custo para R$ 60.

A caixa em que o produto está sendo oferecido é muito semelhante às utilizadas em medicamentos.

A situação, apesar de séria e potencialmente perigosa, acabou virando motivo de piada na internet:

“Tirei e recoloquei meus óculos de leitura por 5x, pessoal! No meu país, Madureira, os camelôs já estão vendendo a vacina pra combater o Covid-19. Um galo e se quiser já sair com ela aplicada, paga 60 merréis! Nasa é o car****, p***! Nós somos os ‘inestudáveis’”, publicou um internauta, morador da região, com a foto do produto oferecido.

Vale lembrar que a prática de venda de medicamento falsificado é considerada crime hediondo e a pena é de até 15 anos de prisão.

ATENÇÃO! Agora você tem a opção de assinatura do JCO com boleto!

Um movimento anônimo, criminoso e fascista está tentando destruir o Jornal da Cidade Online.

Eles não admitem o debate. Querem castrar a liberdade de expressão e impor o pensamento único.

Para tanto, tentam zerar nossas receitas, praticando o terrorismo junto a nossos anunciantes.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você ainda terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido... Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Fonte: Uol

da Redação
Ler comentários e comentar